0


Volto a abordar aqui no blog, uma daquelas séries que deu pela primeira vez muito antes do "meu tempo", mas que tive a oportunidade de ver e vibrar como os que a viram pela primeira vez, numa das muitas reposições que a RTP fez desta série de Western. O Bonanza tinha tudo para agradar a um miúdo, cowboyada com muita acção e aventura, e também alguma comédia à mistura.

Bonanza foi transmitido pela NBC pela primeira vez em Setembro de 1959, tendo ficado no ar até 1973, num total de 14 temporadas e mais de 400 episódios. A RTP transmitiu pela primeira vez um episódio desta série a 14 de Maio de 1961, e foi um verdadeiro sucesso já que as pessoas só estavam habituadas a ver filmes de Cowboys no cinema, e podiam assim ver regularmente uma boa "cowboyada". Infelizmente não podíamos desfrutar de tudo o que a série oferecia, afinal um dos seus maiores atributos foi o de ser um dos primeiros Western a cores, e a NBC promovia bem isso mostrando as paisagens lindas do Rancho Ponderosa.

A primeira vez que vi a série também foi a Preto e Branco, mas mesmo assim senti-me fascinado com todo aquele mundo e fã de um actor que ia gostar muito de seguir em tudo o que ele protagonizou para a tv, o Michael Landon. Ele era o irmão caçula, o rebelde bonitão da família que se metia algumas vezes em sarilhos e tentava se guiar pelo forte código moral imposto pelo seu Pai e respeitado pelos seus Irmãos.



Lorne Greene tinha a figura imponente necessária para o chefe desta família, e Ben Cartwright era mesmo uma pessoa a respeitar e a tomar em atenção. Ben recordava das suas ex Mulheres com saudades, e tratava todos os irmãos (cada um de uma mãe diferente) da mesma forma. O irmão mais velho do grupo (Adam) era interpretado por Pernell Roberts, uma pessoa serena e culta que tinha cursado arquitectura e chegou a projectar a casa do Rancho Ponderosa. Roberts saiu a dada altura, em desacordo com algumas das decisões na série, e com uma vontade de regressar ao palco.

Hoss era o irmão do meio, um grande bonacheirão que adorava divertir-se e tinha uma visão da vida muito optimista. Interpretado por Dan Blocker, era um dos favoritos de muitos dos que viam a série, sentiam-se atraídos pela sua boa disposição e a sua maneira de ser. Blocker faleceu e foi retirado da série, um rude golpe mas que a produção da série decidiu substituir por completo, matando a sua personagem no ecrã também.

Foi a primeira vez numa série de horário nobre que isso acontecia, por norma costumavam ou colocar outro actor no mesmo papel, ou inventar outro membro da família. Quando Roberts saiu, a produção tentou isso com vários actores (incluindo o Zorro Guy Williams que fez de Primo Cartwright). A série teve alguns problemas de audiências nos seus primeiros anos, quando era transmitida aos Sábados à noite, mas a NBC continuou forte na aposta por ser uma das primeiras séries filmada a cores, e ser rodada num local paradisíaco e cheio de paisagens lindas para o efeito. Quando a série começou a dar ao Domingo à noite, atingiu um grande sucesso e até ao seu final foi sempre uma das séries mais vistas dos Estados Unidos.

Um belo genérico com uma música animada, um elenco que tinha uma grande química e cowboys aos tiros e montados em cavalos, era complicado não gostar de Bonanza, e a série realmente cumpria todos os requisitos para um rapaz ficar fã dela.









Enviar um comentário Blogger