2

O Trevo da Sorte foi um daqueles concursos matinais que a RTP gostava de transmitir nos anos 90, primava pela simplicidade mas nem por isso passou despercebido e muitos de nós viram este programa com algum interesse.

Foi mais um concurso transmitido perto da hora do almoço, entre as 11h45 e o meio dia entre 1990 e 1991, integrado no magazine Ponto de Encontro e com a apresentação de um nome conhecido da Rádio, o Júlio Montenegro. O homem adequava-se bem à coisa, tinha aquele estilo sóbrio e calmo que um programa deste género exigia, lógico que ajudava a que o mesmo não tivesse muita animação mas na altura isso não era sempre o essencial para o sucesso de um concurso.


Existiam três concorrentes que tinham que responder a três perguntas que o apresentador colocava, e aquele que tivesse maior pontuação seguia em frente para a prova final, onde iria ter a companhia de um telespectador que participava via telefone e tinham que responder à pergunta com o número que o Trevo da Sorte decidia.

Assim habilitavam-se a ganhar um prémio, normalmente electrodomésticos, num programa que era o ideal para dormir a sesta se fosse transmitido depois da hora de almoço. Na passagem de ano de 90 para 91, o especial do Herman José (Crime na Pensão Estrelinha) tinha uma versão deste programa, que era "O Trevo da Morte" o programa onde morrer e quinar é o que está a dar.

Não era super fã do concurso, mas logicamente que vi alguns deles já que era daquelas coisas "Não está a dar mais nada, pronto fico a ver isto". Mesmo assim acho que os canais deviam voltar com este tipo de concurso pela hora de almoço.


Imagens retiradas de Brinca Brincando


Enviar um comentário Blogger