0

Não nos fartávamos de coleccionar coisas nos anos 80, fosse o que fosse o que interessava era ter uma colecção de algo nem que fosse algo tão banal como uma Lata de Refrigerante ou de Cerveja.

Temos que ter em conta que em Portugal o comum era beber estes artigos de garrafas de vidro, as latas apareceram tarde e fascinaram-nos como a novidade que eram. Apesar da chatice que era por vezes abrir uma lata destas para beber o nosso sumo, principalmente porque por vezes podia magoar o lábio, todos preferíamos comprar uma lata a uma garrafa e em pouco tempo começaram a aparecer pessoas que em vez de as deitar para o lixo, começaram a coleccionar as mesmas.

Existiam marcas atentas a isso e começaram a lançar latas para coleccionarmos, como a Pepsi ou a Coca-cola que lançavam latas relacionadas com algum evento como Mundial de Futebol ou Jogos Olímpicos, ou de artistas conhecidos como o Michael Jackson. Até as de Cerveja facilitavam a coisa, como a Sagres que lançava latas de vários tamanhos e com vários desenhos. Isto porque apesar deste passatempo ser normalmente de crianças ou adolescentes, existiam alguns adultos que achavam piada e ajudavam nessa colecção. Normalmente os do sexo Masculino, já que os do sexo Feminino reclamavam de aquilo ser puro lixo e não quererem limpar aquilo lá em casa.

O maior problema destas colecções era mesmo a arrumação e limpeza, por norma ficavam em cima de algum móvel completamente empilhadas, lógico que por vezes bastava um abanão nesse móvel e lá vinham as latas todas para o chão. Outros tinham mais paciência e arrumavam elas em estantes feitas para o efeito, ou até penduravam elas por fios no tecto do quarto, tudo servia para mostrarmos a nossa colecção. E todos os familiares e amigos dos familiares contribuíam, e era sempre uma alegria quando recebíamos latas estrangeiras, dava um toque especial àquilo e permitia-nos gabar-nos aos nossos amigos que também faziam a colecção.

Eu tive uma colecção destas, e bem grande, mas também tinha muitos problemas na arrumação desta, devido a estarem em cima de um móvel (grande) que se abanava muito facilmente. O facto de o meu pai ter acesso a latas de todo o lado do Mundo tornavam ela um pouco mais original em relação às dos meus amigos, até o dia em que elas caíram ao chão e decidiu-se que era hora de parar e colocá-las todas no lixo.

Alguém mais teve algo assim?








Enviar um comentário Blogger