1

A Disney volta e meia tenta produzir algo que apele a um público mais adulto e masculino, e a série Gárgulas foi uma das suas tentativas mais bem sucedidas. Com um tom sombrio, era um desenho animado cheio de drama e acção, que conseguia assim atrair um público mais adulto e cumprir os objectivos da Disney.

Gargoyles (Gárgulas) teve três temporadas, transmitida originalmente entre 24 de Outubro de 1994 e 15 de Fevereiro de 1997 num total de 78 episódios que foram transmitidos pela SIC em 1997, com dobragem em Português que ajudou a que a série fosse um sucesso no nosso País também. Este desenho animado era algo completamente diferente do que estávamos habituados da Disney, tinha uma complexidade histórica e dramática muito forte apesar de ter sido concebida para ser uma série mais cómica e infantil, no género dos Gummy Bears.

Mas o seu criador, Greg Weisman, queria incorporar todo o tipo de lendas e mitos no programa e, devido a ser um ex-professor de Inglês, notava-se uma forte influência da literatura Shakesperiana em diversos personagens. Reis e Rainhas da Escócia, Rei Artur ou mesmo a Mitologia Nórdica, tudo era mostrado neste desenho, de uma forma pormenorizada ou não.


A série apresenta um clã de criaturas guerreiras conhecidas como Gárgulas, que são liderados por Golias. No ano de 994 D.C., protegem o castelo Wyvern e seus moradores na costa da Escócia, só que devido a uma traição, o clã é massacrado e um feitiço é lançado nos poucos sobreviventes que são condenados a dormirem como pedras até que o castelo seja elevado sobre as nuvens.

Assim ficam até que, em 1994, um bilionário chamado David Xanatos compra o castelo e o leva para o alto de seu arranha-céu em Nova York, rompendo assim o feitiço. Despertando na Manhattan dos dias actuais, os gárgulas decidem se adaptar ao novo mundo e a proteger os cidadãos de Nova York, ficando transformados em pedra durante o dia mas tomando os céus nas mais diferentes formas à noite. Devido à sua aparência, são forçados a se esconderem das pessoas que os temem, com excepção da detective Elisa Maza.


Uma bela série, com bons argumentos e uma boa animação tornando-se uma imagem de marca da Disney dos anos 90.












Enviar um comentário Blogger