2

Turner and Hooch (Amigos e Detectives / Uma Dupla quase Perfeita) foi um dos grandes sucessos do VHS no começo da década de 90, uma Comédia que tinha Drama à mistura num filme que era um policial na sua essência.

O filme foi lançado em 1989, ajudando a cimentar o nome do actor Tom Hanks como uma das grandes estrelas de Hollywood, num filme que tinha todos os ingredientes para conquistar o público desde o cão amoroso ate às personalidades diferentes da dupla principal.

Scott Turner (Tom Hanks), era um detective com a mania das limpezas que se vê obrigado a ficar com Hooch, um cão grande que adora se babar e sujar tudo à sua volta. Hooch pertencia a um amigo de Turner, que era dono de um ferro velho e é assassinado em circunstâncias misteriosas.


O cão vira a vida de Hanks do avesso e dá azo a situações muito divertidas, com um Hanks em grande forma, um bom exemplo disso é a cena que ele tem que dar banho ao cão, ou a que ele fica de vigia num carro junto com o cão. O filme tem momentos de comédia, e vira um filme de acção para o final com cenas de tiroteio e tudo onde se dá o maior momento de drama do filme, o momento em que Hooch morre.

A morte era um pouco desnecessária num filme do género, a química entre Hanks e o cão era brutal, e as lágrimas na cena da morte vêm do facto do actor usar o sentimento de nunca mais ir ver o cão depois de meses juntos nas filmagens. O filme acaba com uma ninhada de filhotes do Hooch a atazanarem a vida de Turner.

Um filme típico da época, tem os seus bons momentos apesar de ter uma história confusa e sem muito sentido, vale muito pelo seu actor principal e os improvisos dele.





Enviar um comentário Blogger